Visual Poetry - ImageChef.com

Uma carta escrita colectivamente pela turma 8.º 1.ª, inspirada pela leitura da obra A Lua de Joana, e no âmbito da semana dos afectos.

Às “Joanas” de Portugal e do mundo

Nós somos alunos do 8.º 1.ª da EB 2,3 Padre Alberto Neto e estamos a escrever esta carta para dizer que não estão sós, que o caminho da droga é perdido. Compreendemos que podeis sentir-vos sós no meio da multidão. Mas lembrem-se que no meio da multidão há sempre alguém capaz de ajudar, de ouvir as vossas angústias. Basta pedirem ajuda!
A vida é bela e não tão escura como a visualizam. Por isso queremos que ergam a cabeça e vão à luta dia após dia, até vencerem esta batalha chamada DROGA. Queremos dizer-vos que fazeis diferença no mundo e que os laços de amizade da nossa turma chegam também para vós.
Contámos convosco para vivermos num mundo com compreensão, ternura, amor, saudade, amizade… Um mundo repleto de bons sentimentos, onde jamais sentirás necessidade de fugir, de desaparecer de acabar com a vida.
Muitos beijos de todos nós,
A turma 8.º 1.ª
Plano Nacional de Leitura

Anúncios