You are currently browsing the daily archive for 03/03/2009.

sp
O Amor foi celebrado, como todos os anos, na nossa escola.
Com os alunos reflectimos sobre a importância dos afectos, sobre o que nos faz gostar de alguém e porque é que somos amados. Conjugamos os verbos Gostar e Amar e percebemos que é na partilha de emoções que eles se encontram.
Dando asas à criatividade, os corredores do Pavilhão A encheram-se de “corações” e “mãos” prontas a dar e receber, anunciando virtudes e emoções.
Na sala de professores, tentando esquecer tempos menos tranquilos, os professores aceitaram o desafio dos Grupos de Inglês e Ciências Naturais. Partilhámos poemas, canções, gargalhadas e declarações. No dia 17 de Fevereiro, qual “cereja em cima do bolo”, despedimo-nos de S. Valentim com o animado Coro da escola. Ninguém resistiu à energia e brilhantismo dos professores e alunos que contagiaram toda a sala de professores.
E para que o Dia de S. Valentim não seja só “mais um dia” a celebrar, importa nunca esquecer que Crescer implica a partilha de afectos, todos os dias.

Helena Farinha e Zilda Mesquita

Anúncios


Dwight David Eisenhower nasceu em Denison, Texas, em 14 de Outubro de 1890. Em 1911, ingressou cm West Point, iniciando o que viria a ser uma ilustre carreira militar. Com a eclosão da Segunda Guerra Mundial, já general-de-brigada, foi designado para comandar a invasão aliada na África do Norte. Em 1943, o presidente Franklin Delano Roosevelt nomeou-o supremo comandante da Força Expedicionária Aliada na Europa, incumbindo-o de dirigir a mais dramática ofensiva estratégica da guerra: a invasão da Normandia no Dia D.
Terminada a guerra e de volta aos Estados Unidos, Eisenhower foi aclamado herói nacional e solicitado pela população para concorrer à eleição presidencial de 1952. Após vencer o candidato democrata por uma percentagem recorde de votos, o novo presidente revelou-se um astuto jogador no tabuleiro da guerra fria. A sua presidência foi caracterizada por intensa actividade da CIA e pela continuação de alianças estratégicas como a NATO
Embora considerado um líder militar corajoso, Eisenhower também foi um presidente muito criticado pela sua excessiva cautela em relação ao problema racial norte-americano e por ter permitido o desenvolvimento do macarthismo, a mancha que ensombrou a democracia dos Estados Unidos durante a década de 50.

logo_be_15-16

Estatística

  • 2.069.551 visitas

Videoteca - DVD para empréstimo na Biblioteca

dvdcolec
melhornet
Bookmark and Share diigo it

Ler ebooks

Arquivos

Março 2009
S T Q Q S S D
« Fev   Abr »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Comentários Recentes

SUAN em Provérbios de Maio
khanny merlina em Quantas vezes já pensaste…
joão marcelo nascime… em “Leilão de jardim”…
fhidafhui em Provérbios sobre o São Ma…
Sandy Matos em Provérbios de Setembro
feiradolivro
Anúncios
%d bloggers like this: