Comemora-se amanhã o Dia Mundial dos Direitos Humanos. O dia 10 de Dezembro foi instituído em Assembleia Geral da ONU como Dia Mundial dos Direitos Humanos relembrando o aniversário da assinatura da Declaração Universal dos Direitos Humanos.
Para além de múltiplos recursos sobre esta efeméride que podes encontrar na Biblioteca, hoje sugerimos-te uma das nossas mais recentes aquisições:
Humanidade
Despertar para a cidadania global solidária
de Fernando Nobre

Aqui fica um excerto do prólogo:
«A razão deste livro é simples: ser um espaço de liberdade e de total frontalidade, onde exprimo, sem constrangimentos nem rodeios ou intermediários, as minhas reflexões e pensamentos mais enraizados sobre os desafios, ameaças e esperanças globais que me interpelam enquanto cidadão do Mundo e português, consciente dos meus deveres de alertar consciências após mais de trinta anos de deambulações pelas quatro partidas do Mundo. Tal responsabilidade obriga-me a dizer e escrever exactamente aquilo que penso em nome da Humanidade, pois só perante ela me sinto obrigado: não posso esperar ter cem anos para o fazer! O meu lema resume-se a uma postura simples: recuso acomodar-me e não aceito inevitabilidades ou fatalismos. Nem em nome do universo, do planeta, da Europa ou de Portugal. Neste Mundo cheio de desafios e ameaças, porque em mudança instável, acelerada e multifacetada, onde o efémero nos quer engolir triturando os nossos valores, as nossas poucas certezas e a nossa ética, ainda há esperanças.»

Anúncios