A Oficina do Tempo
de Alvaro Uribe
Páginas: 152
Editor: Livros Quetzal

Sinopse
O relato do conflito de três gerações mexicanas, mais propriamente entre um pia e um filho, numa estrutura narrativa, no mínimo, invulgar: o princípio e o fim unem-se quando no primeiro capítulo, um jovem quer viajar para o futuro, enquanto que, no fim da história, um homem se vê enredado no tempo e no eterno retorno ao seu passado. O autor compara esta estrutura narrativa a uma bola, a um objecto esférico do qual o leitor não conseguirá sair. Um jogo do tempo e da palavra, um tema mais antigo do que a própria literatura, e uma homenagem à Máquina do Tempo de H. G. Wells.

Anúncios