You are currently browsing the daily archive for 10/03/2010.

No Âmbito do projecto aLer+, algumas turmas do 9.º ano estão a ler o livro Tournée de Gonçalo Cadilhe, um conjunto de crónicas – a maior parte já publicadas em livros anteriores de Gonçalo Cadilhe – divididas em “quatro pontos cardeais subjectivos”, como explica o autor e viajante:

– O que abre o livro, Ocidente, recolhe as viagens que efectuou “pelos territórios descobertos por Colombo, as suas ‘Índias’, todo o pedaço de planeta que resultou da empresa colombiana”, a América Latina;
– O Sul, “tudo o que nos está a Sul, e que vem precisamente do chamado ‘sul do mundo’ quando se quer falar das suas regiões mais miseráveis”, África;
Oriente “é … oriente. Como dizia o título de um divertido filme paquistanês (…) ‘east is east’”;
Norte, que “aparece aqui como o contrário do sul: as regiões do mundo onde reinam a opulência, o supérfluo, um desmesurado bem-estar material jamais alcançado antes na História”.

Para Gonçalo Cadilhe, o seu Norte é o mundo ocidental, pelo que o livro termina no mundo ocidental. “É tempo de voltar a casa”, escreve.

Eis um dos trabalhos da autoria da turma 9.º 3.ª, com a rota do viajante e fotografias dos locais visitados.  O painel encontra-se exposto na biblioteca (clica na imagem para veres  maior).

Anúncios

O êxito editorial em todo o mundo Diário de Um Banana foi adaptado ao cinema e estreará já na próxima semana (19 de Março) nos Estados Unidos. Ainda não se sabe a sua data de estreia em Portugal (talvez apenas no Verão), mas enquanto não chega, aqui ficam alguns aperitivos:

Trailer (legendado):

Sítio oficial: http://www.wimpykid.com/

Sítio no IMDB: http://www.imdb.com/title/tt1196141/

Integrado no programa de comemorações do Dia da Árvore e do Dia da Poesia, continuamos hoje com publicação de uma colectânea de 20 poemas sobre a árvore ou a natureza, maioritariamente de autores portugueses.

As árvores e os livros

As árvores como os livros têm folhas
e margens lisas ou recortadas,
e capas (isto é copas) e capítulos
de flores e letras de oiro nas lombadas.

E são histórias de reis, histórias de fadas,
as mais fantásticas aventuras,
que se podem ler nas suas páginas,
no pecíolo, no limbo, nas nervuras.

As florestas são imensas bibliotecas,
e até há florestas especializadas,
com faias, bétulas e um letreiro
a dizer: «Floresta das zonas temperadas».

É evidente que não podes plantar
no teu quarto, plátanos ou azinheiras.
Para começar a construir uma biblioteca,
basta um vaso de sardinheiras.

Jorge Sousa Braga

Já está disponível na biblioteca o terceiro livro da série Diário de Um Banana, desta vez com o subtítulo «A Última Gota». Como se esperava, este novo diário está a alcançar os níveis de sucesso dos volumes anteriores.

logo_be_15-16

Estatística

  • 2.080.018 visitas

Videoteca - DVD para empréstimo na Biblioteca

dvdcolec
melhornet
Bookmark and Share diigo it

Ler ebooks

Arquivos

Março 2010
S T Q Q S S D
« Fev   Abr »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Comentários Recentes

SUAN em Provérbios de Maio
khanny merlina em Quantas vezes já pensaste…
joão marcelo nascime… em “Leilão de jardim”…
fhidafhui em Provérbios sobre o São Ma…
Sandy Matos em Provérbios de Setembro
feiradolivro
Anúncios
%d bloggers like this: