You are currently browsing the category archive for the ‘Educação’ category.

Foram aprovados pela DGE os Cursos de Educação e Formação de Adultos (EFA) e os Cursos do Ensino Secundário Recorrente para o ano letivo 2014/2015, a decorrer em regime noturno na Escola Secundária Leal da Câmara, onde já é possível realizar inscrições.

estudar
.
A qualificação profissional é, cada vez mais, uma forma de ligação mais firme ao mundo laboral. São exigidas competências comunicativas, literacia informacional, domínio das novas tecnologias, conhecimento de línguas
e uma boa qualificação científica.
.
Tornar o nível geral de competências dos cidadãos mais elevado significa aumentar as suas oportunidades profissionais e contribuir para a luta contra a pobreza e a exclusão social. Com este propósito, através de uma comunicação que analisa o tema da educação e formação de adultos, a Comissão incentiva os Estados-Membros a multiplicarem e consolidarem as oportunidades de aprendizagem para os adultos, tornando-as além disso acessíveis a todos os cidadãos.
.
.
Pensando nos muitos jovens e adultos que não completaram um dos ciclos de ensino na idade convencional, ou nos cidadãos de outros países que precisam de adquirir habilitações para efeitos da obtenção da nacionalidade portuguesa, a ESLC dispõe da oferta formativa que se segue:
.

 

          Ensino Secundário Recorrente:

 

Português para estrangeiros:

INSCRIÇÕES:

Secretaria da Escola Secundária Leal da Câmara

Dias úteis das 18:30 às 20:00

Rua Pedro Nunes, nº 1 – 1º A
2635 – 217 – Rio de Mouro
 
T. 219 169 310

 

Anúncios

Este slideshow necessita de JavaScript.

A publicidade surgiu com mais visibilidade e impacto social após a 2ª Guerra Mundial, quando se tornou necessário aumentar a produção e as vendas de uma sociedade cada vez mais industrializada.  A manipulação das consciências e a exploração dos  sentimentos, desejos e fragilidades humanas são as principais técnicas utilizadas pela publicidade. Fácil será perceber que, aliada a essa manipulação, há um conjunto de ideias apriorísticas, implícitas ou declaradas, que determinam a necessidade de incentivar à mudança de atitudes de consumo, ou à criação de novos hábitos.  Bastará analisar em profundidade os exemplos acima para concluirmos que pouco ou nada mudou na publicidade desde o seu início. Continuamos a associar ideias a produtos: a imagem da mulher como objeto de prazer, ligada ao desejo de possuir outros produtos, bebidas, carros, objetos de luxo; a implicitação da falta de inteligência das mulheres; a associação xenófoba de ideias negativas a pessoas de outras raças ou de outros países (à imigração, por exemplo); o aproveitamento de ideias positivas transmitidas por outras realidades para promover um produto, serviço ou ideia, entre outras intenções. Não sabemos porque razão desejamos subitamente realizar um determinado ato de compra / adesão, porque a implantação da necessidade de ação foi feita de forma profundamente enraizada nas nossas crenças, fraquezas, necessidades, medos e esperanças. Em suma, pensamento emocional, versus pensamento crítico, uma das dez estratégias de manipulação mediática propostas por Chomski.

Reconhecido filósofo e Professor de Linguística no M.I.T., o norte-americano Noam Chomsky tem demonstrado ser, durante as últimas décadas,  uma das vozes mais ativas a nível mundial no que toca à discussão sobre a manipulação mediática. Recomenda-se a leitura da sua obra “Silent Weapons for Quiet Wars” de 1979, que cada vez mais se mostra atualizada à realidade política e mediática e ao próprio marketing ideológico.

Na imagem abaixo podemos comparar as dez estratégias com o modo como os média em geral, publicidade, jornais, rádio, televisão, agências de informação afetas ao poder instituído e o próprio poder,  selecionam, enformam, produzem, divulgam e difundem a informação que recebemos todos os dias.

Estratégias de manipulação de massas(Clique para aumentar e ler)

Incutir nos nossos alunos a capacidade de analisar e desmontar a intenção dos anúncios publicitários e do enfoque dado a umas notícias em detrimento de outras é um dever que a escola e os currículos devem assumir, para além da aula de Português, para além da riqueza lexical e semântica da linguagem utilizada. Não basta que o assunto seja encarado como “matéria” dada e acabada num determinado período, mas é necessário um desafio permanente aos nossos jovens, se queremos criar consciências menos acríticas.

Ana Isabel Falé

Já estão definidas as datas dos exames nacionais do 9.º ano: assim, o exame de Língua Portuguesa decorrerá a 20 de Junho e o de Matemática a 22 do mesmo mês. A segunda chamada será a 27 de Junho, no caso da Língua Portuguesa, e 30 de Junho para a Matemática.

E por falar em exames: já reparaste que na Biblioteca preparámos uma nova estante só com materiais para te ajudarem a preparar o exame?

Aqui deixamos um conjunto de materiais disponibilizados pelo projecto «A adolescência e tu, ao espelho… As alterações no corpo», um projecto educativo centrado nas alterações físicas e emocionais, dirigido aos alunos do 9º ano.

Materiais para alunos

Descarregar Como me vejo
Descarregar Como me vêem
Descarregar O meu corpo e o dos outros
Descarregar Como me sinto

Materiais para professores
http://www.adolescenciaetu.com/pdf/LP_portugues_09_10.pdf
qrcode

O GAVE – Gabinete de Avaliação Educacional – disponibiliza no seu sítio informações sobre os Exames Nacionais do 9.º ano, nomeadamente sobre as provas de Língua Portuguesa e Matemática. Para veres essas informações sobre cada uma das provas, clica no link [PDF]:
Língua Portuguesa – 9.º ano [PDF]
Língua Portuguesa – 9.º ano – Língua Não-Materna [PDF]
Língua Portuguesa – 9.º ano – Língua Não-Materna [PDF]
Matemática – 9.º ano [PDF]

Biblioteca Municipal
O Plano Municipal de Acções Educativas de Sintra foi apresentado ontem (29 de Setembro), na Biblioteca Municipal de Sintra, aos educadores de infância e professores do concelho, com o objectivo de dar a conhecer a oferta cultural e didáctica das bibliotecas, dos museus e do Património Histórico-Cultural.

A Câmara de Sintra disponibiliza para este o lectivo de 2009/2010 um vasto conjunto de 70 actividades, entre as quais se contam visitas, roteiros culturais, formação e a comemoração do Dia Mundial do Livro na semana de 19 a 24 de Abril de 2010.

Contacta a biblioteca da escola para saberes mais sobre estas actividades e respectiva inscrição.

O novo projecto educativo da Gulbenkian, “Descobrir”, é lançado amanhã, 4 de Outubro, com um conjunto de iniciativas destinadas essencialmente a crianças, e que que inclui concertos (im)previstos “vestidos à época”, viagens e conversas musicais com Jazz no Anfiteatro ao ar livre, surpresas musicais no Jardim e um concerto comentado dedicado a Mozart para DESCOBRIR! O projecto “descobrir tem mais de 1500 eventos para a próxima temporada e articula todos os projectos educativos que existiam há vários anos em cada um dos sectores da Gulbenkian.

Notícia do Público

Folheto da programação das actividades de sábado

Tudo leva a crer que os primeiros portáteis «Magalhães» vão chegar às mãos dos alunos do 1.º ciclo já na próxima semana, e que até ao fim deste mês serão distribuídas duas mil unidades do portátil e-escolinha. Prevê-se uma entrega faseada, havendo apenas a garantia de que até ao final do ano lectivo ele esteja disponível para todos os alunos. A partir do dia 26, o portátil estará também à venda nas lojas FNAC por um preço entre os 285 e os 295 euros.

Ontem e hoje decorreu em Lisboa a apresentação do portátil aos professores, onde estive presente. Tendo em conta o público-alvo, devo dizer que o «Magalhães» é um excelente recurso, com muito e bom software e uma grande e bem-vinda preocupação com a segurança das crianças (lamenta-se apenas a falta de uma saída VGA, além de um leitor de CD/DVD, mas para aquele tamanho e peso, em algo teria de se cortar).

O problema será, obviamante, como transformar tecnologia e acesso à informação em aprendizagem e conhecimento. Se o processo não for acompanhado (deveria ter sido mesmo antecedido) da necessária formação de professores (e mesmo de pais), de um acompanhento técnico e pedagógico próximo e eficaz, corre-se o risco de se confundirem os meios com os fins e de a inicativa se traduzir numa mais-valia apenas para a empresas de software e hardware envolvidas no projecto.

Também para as bibliotecas, sobretudo as do 1.º ciclo, o programa e-escolinha representará novos desafios: desenvolver actividades de exploração da tecnologia, criar recursos para este novo meio, incentivar e promover boas práticas, desenvolver a literacia da informação.

Períodos

Início

Termo

1.º

Entre 10 e 15 de Setembro

(As aulas depois de iniciadas não podem ser interrompidas)

19 de Dezembro

2.º

5 de Janeiro

27 de Março

3.º

14 de Abril

A partir de 10 de Junho, para os 9.º, 11.º e 12.º anos, e de 22 de Junho, para os restantes anos de escolaridade

Interrupções

Datas

1.º

De 20 de Dezembro a 4 de Janeiro, inclusive

2.º

De 23 a 25 de Fevereiro, inclusive

3.º

De 28 de Março a 13 de Abril, inclusive

 

logo_be_15-16

Estatística

  • 1,921,048 visitas

Videoteca - DVD para empréstimo na Biblioteca

dvdcolec
melhornet
Bookmark and Share diigo it

Ler ebooks

Arquivos

Dezembro 2017
S T Q Q S S D
« Jun    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Comentários Recentes

SUAN em Provérbios de Maio
khanny merlina em Quantas vezes já pensaste…
joão marcelo nascime… em “Leilão de jardim”…
fhidafhui em Provérbios sobre o São Ma…
Sandy Matos em Provérbios de Setembro
feiradolivro
%d bloggers like this: